Home / Seguro Viagem Nacional e Internacional / Tudo sobre o seguro viagem para o Líbano

Tudo sobre o seguro viagem para o Líbano

O Oriente Médio está repleto de destinos incríveis para visitar, e um deles é o Líbano. Mas, sem um seguro viagem para o Líbano, você não vai poder entrar em nenhum país dessa região.

Isso porque esse seguro é obrigatório, e funciona de forma diferente para cada país do Oriente Médio. Por isso, antes de começar a se preparar para a sua viagem, você precisa entender melhor como isso funciona.

E, se você precisa de ajuda para contratar o seu seguro, não se preocupe! Aqui você vai encontrar diversas dicas e informações que separamos para te orientar e te mostrar como fechar o contrato. Confira!

O seguro viagem para o Líbano é obrigatório?

Sim, o seguro viagem para o Líbano é obrigatório, assim como em outros países do Oriente Médio.

No entanto esse acordo é um pouco diferente do Tratado de Schengen, e cada país ou território possui algumas especificações próprias.

E, além de tudo, ainda existe o Chipre, que faz parte do Tratado de Schengen e, por causa disso, exige também uma cobertura de 30 mil euros em assistência médica, pelo o menos.

Como funciona o seguro viagem para o Oriente Médio?

O seguro viagem para o Oriente Médio funciona de forma um pouco mais rigorosa, e, para contratar esse tipo de apólice, você precisará emiti-la ainda no Brasil.

Caso você chegue no seu destino sem os documentos obrigatórios em mãos, a companhia aérea que te levou é obrigada a te trazer de volta, por isso a necessidade de exigir o seguro logo no check-in do voo.

Dessa forma, esse seguro pode ser contratado através de uma seguradora brasileira e, se for necessário, você poderá fazer cotações em um site de comparação e escolher os melhores planos para o Líbano.

Por fim, a função principal do seguro viagem para o Líbano é cobrir boa parte das despesas médicas e hospitalares.

Quanto custa um seguro viagem para o Líbano?

O seguro viagem para o Líbano pode custar cerca de R$15,00 por dia de viagem, preço que varia bastante dependendo da sua seguradora, dos itens do seu plano, do valor das coberturas, etc.

Mas, geralmente, o preço não passa disso, e acaba sendo um ótimo investimento para o futuro e para o bem da sua viagem.

Por que é importante investir na assistência médica?

Investir na assistência médica é muito importante, caso você esteja indo para o Oriente Médio, uma vez que lá os países não contam com um programa como o SUS, ou qualquer serviço de saúde gratuito para imigrantes.

Lá, o serviço só é público para cidadãos ou, ainda, em alguns países, só seria público para os locais expatriado. É o caso de Dubai.

Ou seja, você acabará gastando mais do que o planejado caso algum imprevisto aconteça e você acabe precisando de assistência médica, odontológica, farmacêutica ou hospitalar.

Afinal, você sabia que uma simples consulta no Oriente Médio pode chegar a R$500,00, enquanto que tratamentos mais complexos, cirurgias, ainda que simples, exames e internações podem chegar a R$3.000,00 facilmente.

É possível visitar mais de um país com o mesmo seguro?

Sim, é possível visitar mais de um país com o mesmo seguro, mas isso vai depender muito do seu plano.

Como a região aborda países de diferentes continentes, o ideal é esclarecer no momento do contrato, quais serão os seus principais destinos.

Dessa forma, você poderá usar o seu seguro para mais de uma visita dentro da mesma viagem.

Portanto, agora que você já sabe um pouco mais sobre o seguro viagem para o Líbano, chegou a hora de se planejar e contratar o seu. Boa sorte!

Sobre lucas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *